Pelotenses no Campeonato Mundial de Remo

Por: Tatiana de La Torre

Jovens atletas do Projeto da Prefeitura de Pelotas ‘Remar para o Futuro’ estão prontos para embarcar rumo à República Tcheca, cidade de Racice, onde irão representar o Brasil no Campeonato Mundial de Remo, que ocorre de 7 a 11 de julho. Seis dos nove brasileiros da categoria sub-23, que irão disputar o mundial, são integrantes do projeto pelotense, que atua, exclusivamente, com alunos de escolas da rede pública municipal. A iniciativa integra o Pacto Pelotas pela Paz, visando envolver jovens em vulnerabilidade nas atividades esportivas.

Seis jovens atletas, estudantes de escolas municipais de Pelotas, viajam para a República Tcheca, no início de julho
Foto: Divulgação / SMED

A equipe do Remar para o Futuro, desde 2015, já acumulou cerca de 20 títulos nacionais em provas de barcos individuais e de conjunto. Depois de conquistar o Campeonato Gaúcho de Remo, venceu o campeonato sul-americano com medalhas de ouro, prata e bronze em diferentes categorias.

Para a prefeita Paula Mascarenhas este resultado é muito gratificante e comprova o quanto o esporte é inclusivo e necessário nas políticas públicas. “Quando a prefeitura decidiu investir em projetos de esporte, a intenção era atrair os jovens para atividades boas e saudáveis. Mas ao revelar atletas e transformar a vida desses estudantes, percebemos o quanto é importante o esporte como ferramenta de inclusão social. Agora temos que comemorar, torcer por estes atletas e dar continuidade a esta importante atividade socioeducacional”, declarou.

Dos seis atletas pelotenses que disputam o mundial, Piedro Xavier foi morar no Rio de Janeiro no ano passado a fim de atuar como profissional. Mais três jovens estão nesse processo, e também, devem ir para o Rio como profissionais.

O coordenador-geral do Remar para o Futuro, professor Fabrício Boscolo Del Vechio, da Escola Superior de Educação Física (Esef) da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), destacou a importância dos projetos esportivos para o público em idade escolar. “O alcance que esses jovens tiveram no remo demonstra que o investimento no esporte pode mudar a vida das pessoas”, disse.

O coordenador técnico do Remar para o Futuro, Oguener Tissot, que vai acompanhar os atletas no mundial como treinador da equipe feminina, agradeceu à Secretaria de Educação e Desporto (Smed), assim como as instituições de apoio ao projeto, por proporcionar esse grande momento: “Que o desempenho dessa equipe estimule mais jovens a entrarem para o esporte. Atualmente, o projeto tem 30 vagas, mas em breve abrirá novas oportunidades para os estudantes da rede pública municipal de Pelotas”, garantiu.

Os atletas Robson Radmann, Facundo Mezquita, Shaiane Ucker, Evelen Cardoso, Mariana Macedo e Piedro Xavier pedem torcida à população pelotense, para que conquistem mais esse título para orgulho da cidade.

O Remar para o Futuro é realizado pela Prefeitura Municipal de Pelotas em parceria com Academia Remo Tissot. Os treinos ocorrem no Clube Centro Português, nas águas do arroio Pelotas. Conta com o apoio da UFPel, Clube de Regatas do Flamengo, além de empresas e profissionais voluntários.

Deixe um comentário

Converse conosco!
Carrinho
  • Nenhum produto no carrinho.
%d blogueiros gostam disto: